terça-feira, 9 de agosto de 2016

Medalhistas dos Jogos Rio 2016 darão nomes a escolas, EDIs e Clínicas da Família



As escolas municipais, Espaços de Desenvolvimento Infantil (EDIs) e Clínicas da Família a serem entregues este ano receberão nomes dos ateltas brasileiros que conquistarem medalhas não Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. A decisão foi divulgada, nesta segunda-feira (8/08), em decreto no Diário Oficial do Município. 

O ato é justificado pela relevância do evento para a cidade e pela importância de  reconhecer o esforço e a superação de atletas brasileiros.
Centro Calouste Gulbenkian abre inscrições para Curso Livre de Teatro


O projeto Incubadora Cênica – Curso Livre de Teatro para Pessoas com e sem Deficiência está com inscrições abertas aos interessados no Centro Municipal de Cultura e Cidadania Calouste Gulbenkian, na Praça Onze. Com classificação etária livre, as aulas acontecem às segundas e quartas-feiras, das 14h às 18h, até 13 de setembro.

Sob direção artística de Mati Lima e elenco com Moira Braga (atriz com deficiência visual) e Felipe Pereira (ator/músico com deficiência visual), a iniciativa aborda acessibilidade e inclusão nas artes.

Inscrições e mais informações pelo email parciadeteatro@gmail.com ou na Rua Benedito Hipólito, 125. 

Artista plástica expõe em biblioteca da Ilha do Governador



A artista plástica Hebe de Matos está com trabalhos expostos na Biblioteca Popular Municipal Euclides da Cunha, na Ilha do Governador. A mostra pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, e, aos sábados, das 10h às 13h, até o próximo dia 30/08. A classificação é livre e a entrada gratuita.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3368-7797. A biblioteca fica na Praça Danaides, s/n, no Cocotá.
Encontro de Carnavais levará alegria ao Boulevard 

A partir desta terça-feira (09/08), das 18h às 20h, uma nova atração promete lotar o Boulevard Olímpico: durante os Jogos, o projeto "Encontro de Carnavais" mostrará o samba carioca em 12 apresentações de blocos e escolas de samba. A iniciativa conta com direção musical de Pretinho da Serrinha e consultoria artística do jornalista Aydano Andre Motta, além da direção artística e coordenação dos blocos por Rita Fernandes. 

Até o dia 21 deste mês (data de encerramento dos Jogos Olímpicos), as escolas de samba sairão da Orla Conde, na altura da Candelária, enquanto os blocos de rua iniciarão o cortejo na frente do restaurante Albamar, na Praça Marechal Âncora. Os dois se encontrarão na Praça XV, onde acontecerá um show imperdível para cariocas e turistas. 

Programação: 

9/08: Paraíso do Tuiuti e Escravos da Mauá
10/08: Imperatriz Leopoldinense e Me Esquece
11/08: Mocidade Independente de Padre Miguel e Carmelitas
12/08: Salgueiro e Imprensa que eu Gamo
13/08: Portela e Bola Preta
14/08: São Clemente e A Rocha
16/08:Vila Isabel e Timoneiros
17/08: Grande Rio e Barbas
18/08: Unidos da Tijuca e Suvaco do Cristo
19/08: União da Ilha e Desliga da Justiça
20/08: Beija-Flor e Simpatia é Quase Amor
21/08: Mangueira e Cordão do Boitatá
Revitalização de praças prossegue durante a semana


Nesta semana (8 a 13/08), mais 22 praças da cidade receberão serviços de manutenção geral, incluindo pintura e reparo, além da substituição dos brinquedos danificados e mobiliários. O serviço será realizado por garis da Comlurb, que solicita aos frequentadores para que mantenham as praças limpas e preservem seus brinquedos e mobiliários. 

A Companhia vai atuar na Quadra Esportiva da Avenida Leão XIII, no Caju; Praça Zélia Duarte Borges, em Benfica; na praça da Avenida das Nações Unidas, em Botafogo; na área de lazer da Avenida do Canal do Anil, em frente ao nº 58, Gardênia Azul, em Jacarepaguá; na praça da Rua Pirina, no Pechincha, em Jacarepaguá; na praça da Comunidade Asa Branca, na Avenida Salvador Allende, em Vargem Grande; na praça da Rua Barão de Mesquita (Mc Donald's), no Andaraí; na praça da Comunidade Casa Branca, na Tijuca; na Praça Edmundo Rego, no Grajaú; na praça do Conjunto Habitacional Hanníbal Porto, em Irajá; e na Praça da Comunidade de Manguinhos.

Os serviços prosseguem na Praça Patrocina Pereira de Carvalho, Pitangueiras, na Ilha do Governador; Praça Oito de Maio, na Rua dos Diamantes, em Rocha Miranda; praças Sebastião Gerolimich e Granito, no Parque Anchieta; na praça do Conjunto Novo Mundo, na Reta João XXIII, Ruas 16, 17 e 18 e na Praça Cesarão (esquina das ruas 45 com 62), ambas em Santa Cruz; na Praça Villagio do Campo 1, na Rua Itaúnas, em Campo Grande; e na Praça do Skate, na Avenida 7 com Avenida 4, em Sepetiba. 

Também serão atendidas a Quadra dos Mineiros, na Rua São Luiz Gonzaga, no Tuiuti, em Benfica, e na Vila Olímpica da Mangueira.
Prefeitura reforça orientações para a saída dos eventos esportivos após a meia-noite

Foto: Renato Sette Câmara

A operação de transporte montada na cidade para o primeiro dia útil dos Jogos Olímpicos Rio 2016 foi considerada bem sucedida por não ter apresentado transtornos ao dia a dia da população. Para melhorar as informações sobre qual transporte pegar quando deixarem as competições após a meia-noite, a partir desta segunda-feira (08/08), avisos sonoros nas instalações e os telões das arenas irão avisar sobre a melhor forma de retorno para casa depois deste horário.

- O objetivo é melhorar as ações a cada dia para que o público possa transitar pela cidade sem transtornos - disse o secretário executivo de Governo, Rafael Picciani, em entrevista coletiva no Rio Media Center, nesta segunda-feira (08/08).

Ao chegar ao Terminal Centro Olímpico, na saída do Parque Olímpico da Barra, após meia-noite e meia, por exemplo, o espectador já deve saber que não terá tempo hábil para acessar a Linha 4 do metrô, que encerra suas atividades à 1h na Estação Jardim Oceânico. Por isso, ao chegar na estação ele deve utilizar o serviço de BRT Expresso, que liga a região ao centro da cidade, com 8 paradas ao longo da Zona Sul.

As únicas exceções para o horário de funcionamento da Linha 4 do metrô ocorrerão nos dias 12, 13 e 21 de agosto, quando haverá um grande número de competições noturnas no Parque Olímpico da Barra. Nestas datas, assim como ocorreu no sábado passado (06/08), será possível embarcar na Estação Jardim Oceânico até às 2h.

O secretário estadual de Transportes, Rodrigo Vieira, explicou, no entanto, que devido ao tempo necessário para manutenção dos trens e das vias, não seria possível manter este horário prolongado durante os 17 dias de competições.

Na saída do Maracanãzinho depois da meia-noite, como a Linha 2 do metrô encerra as atividades neste mesmo horário, a orientação para quem vai para a Zona Norte é dar preferência ao uso de trens da Supervia, nas estações São Cristóvão e Maracanã. Haverá também reforço na operação dos ônibus nesta direção. Para quem vai para a Zona Sul, a melhor opção é utilizar o metrô, saindo da Estação São Francisco Xavier, já que a Linha 1 terá seu horário de funcionamento estendido até 1h30, durante os Jogos.

Já quem sai da Arena de Copacabana em direção à Zona Oeste, após a meia-noite, deve optar pelo uso de ônibus.

O secretário Picciani voltou a agradecer a colaboração do carioca que tem deixado o carro em casa, e reforçou o uso do transporte público como melhor forma de circular pela cidade no período dos Jogos.

Nos primeiros três dias de competições, o Metrô Rio registrou 530 mil usuários a mais do que em dias comuns. Só a Linha 4 transportou cerca de 112 mil pessoas no domingo (07/08). Já na SuperVia, o número de passageiros extras chega a 247 mil no mesmo período.

Durante o fim de semana, os serviços especiais criados para os Jogos registraram o fluxo de 328 mil pessoas. O Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), que circula pelo Centro, transportou 79 mil passageiros.

Patrulha Ambiental resgata gavião carcará em Campo Grande


Guardas da Patrulha Ambiental - parceria da Guarda Municipal e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente - resgataram um gavião carcará, nesta segunda-feira (08/08), em uma residência em Campo Grande, Zona Oeste da cidade. Os agentes foram acionados por meio da Central de Atendimento da Prefeitura 1746.

Segundo o morador que fez a solicitação, o animal pousou no guidão da bicicleta e permaneceu lá, bastante calmo, até a chegada dos agentes. A ave de rapina aparentava ser domesticada e foi conduzida para o Centro de Recuperação de Animais Silvestres (CRAS), da Universidade Estácio de Sá, de onde será leva para o CETAS, do IBAMA, que recebe animais desse tipo.

A captura e a criação de aves de rapina ou qualquer tipo de animal silvestre sem autorização é proibido pela legislação brasileira e pode por a vida dos animais em risco, pois não saberão executar tarefas como a busca por alimentos e a proteção contra predadores caso se percam ou sejam abandonados.
Memorial da Glória exibe exposição sobre a vida de Getúlio Vargas



O Memorial Getúlio Vargas, na Glória, tem exposição permanente sobre a vida e a obra do ex-presidente da República, patrono do centro cultural, que passou 31 dos seus 45 anos de vida pública no Rio.

Com curadoria de José Murilo de Carvalho, entrada gratuita e classificação livre, a mostra - com fotos e reportagens - pode ser visitada de terça a domingo, das 10h às 17h, na Praça Luís de Camões, perto do antigo Hotel Glória. 

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones 2237-5234 e 2245-7577.

Exposição apresenta obras inspiradas na figura geométrica do cubo



A exposição "Ocupacubo", do Grupo Dez ao Cubo, fica em cartaz até esta quarta-feira (10/08), com entrada gratuita, no Centro Municipal de Cultura e Cidadania Calouste Gulbenkian, na antiga Praça 11. A mostra retrata o que pode ser feito com estéticas em relação ao cubo, figura geométrica que é instrumento de pesquisa dos artistas. A classificação é livre. 

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones 2224-2628/8300 e 2234-5747. O Centro Calouste Gulbenkian fica na Rua Benedito Hipólito, 125, esquina com a Rua Marques de Pombal. 
Prefeitura define forma de distribuição de 589 autonomias de táxi



A Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) publicou, nesta segunda-feira (08/08), no Diário Oficial do Município, decreto que define a forma de distribuição das autonomias de táxi com base na Lei Complementar Nº 159/2015, além da lista dos auxiliares candidatos a receberem as novas autonomias. Ao todo, serão entregues 589 autorizações, sendo 284 cassadas por caducidade (veículos que estavam ser fazer vistoria há dois anos ou mais, ou inoperantes) e 305 novas, criadas a partir da proporcionalidade de táxis por habitantes.

O profissional taxista que abriu processo administrativo ou judicial até 31/12/2014, e tem, no mínimo, cinco anos de tempo de serviço como motorista auxiliar, tem até três dias úteis, a contar da data de publicação, para se apresentar no Guerenguê com a documentação necessária. Já os que estão na listagem dos auxiliares, devem aguardar a convocação pelo órgão municipal em Diário Oficial.

Em março deste ano, a SMTR deu início ao processo de cassação de 441 autorizações de táxis que, sem vistoria há dois anos ou mais, não estavam autorizados a operar o serviço de transporte de passageiros, embora constassem no cadastro da SMTR. A ação tem como objetivo dar oportunidade a motoristas auxiliares que atuam no sistema há anos de se tornarem autorizatários.

Das 441, 229 não recorreram, 55 apresentaram recursos que foram indeferidos por apresentarem justificativas insuficientes, e outros 157 tiveram as autorizações mantidas após análise dos recursos. Com isso, 284 autorizações de táxis cassadas serão disponibilizadas a motoristas auxiliares - obedecendo o critério de antiguidade no sistema. A relação foi publicada no Diário Oficial do dia 26/07. 

Na mesma edição, foi divulgado o resultado da avaliação dos recursos apresentados por motoristas auxiliares que contestaram suas respectivas posições na lista de cadastro por antiguidade no sistema da secretaria. Ao todo, foram abertos 55 processos, dos quais 24 foram deferidos e 31 foram indeferidos por não apresentarem documentação necessária ou entregarem documentação inválida a fim de comprovar o tempo de serviço.

Ao retirar do sistema táxis inoperantes, dando lugar a novos, a SMTR permite aumentar a oferta de veículos aos usuários na busca por um serviço cada vez melhor a cariocas e visitantes.

Lista de autonomias que serão entregues:

Pessoas com deficiência: 58

Lista dos auxiliares por antiguidade: 476

Pessoas que tem processo judicial e/ou administrativo até dezembro de 2014: 55

Total: 589